1Win

Análise: destaque para Grêmio e Internacional na última janela de transferências

Reforços de peso movimentam mercado gaúcho para o clássico Gre-Nal decisivo no Campeonato Gaúcho de 2024.


Fonte: -

Análise: destaque para Grêmio e Internacional na última janela de transferências

Passada a 9ª rodada do Gauchão , agora é tudo Gre-Nal. Com a semana sem compromissos até o clássico, Grêmio e Inter terão tempo para se preparar para o confronto de domingo, às 18h, no Beira-Rio, válido pela penúltima rodada da primeira fase do estadual. Como esperado, as duas equipes se movimentaram bastante no mercado e reforçaram os elencos para 2024. Ao todo, os dois buscaram 14 jogadores, exatamente sete para cada time. Afinal de contas, quem contratou melhor? O ge ouviu comentaristas para responder a questão. O Inter adotou uma postura agressiva desde o início da janela e trouxe Ivan, Robert Renan, Hyoran, Alario e Borré, que ainda não desembarcou em Porto Alegre. O colombiano foi adquirido junto ao Frankfurt, mas possui vínculo de empréstimo com o Werder Bremen até junho. No entanto, o clube alemão já cogita liberá-lo de forma antecipada. Os últimos movimentos ocorreram na semana passada. O Colorado atravessou o negócio entre Coritiba e Fortaleza e acertou o retorno do volante Bruno Gomes. O atacante Wesley chegou após passagem apagada pelo Cruzeiro. Ambos ainda não estrearam e podem aparecer entre os relacionados para o clássico.

Já o Grêmio passou boa parte da janela de transferências pressionado pela torcida e com apenas três reforços: o volante Dodi, o meia-atacante Soteldo e goleiro Marchesín. Nas últimas semanas, porém, o clube intensificou movimentos no mercado e confirmou quatro contratações. O volante Du Queiroz, o centroavante Diego Costa, o lateral-esquerdo Mayk e o atacante Pavón chegaram no fim do prazo de inscrições do Gauchão, que encerrou na última sexta-feira. O lateral e o brasileiro naturalizado espanhol foram os únicos que ainda não estrearam. A presença de ambos no Gre-Nal é incerta.

Quem contratou melhor? Inter ou Grêmio — Foto: ge
Fonte: ge

Os reforços do Inter: Ivan (goleiro) Robert Renan (zagueiro) Bruno Gomes (volante) Hyoran (meia) Wesley (atacante) Borré (atacante) Alario (centroavante) Os reforços do Grêmio: Marchesín (goleiro) Mayk (lateral-esquerdo) Dodi (volante) Du Queiroz (volante) Soteldo (meia-atacante) Pavón (atacante) Diego Costa (centroavante) Dito isto, o ge reuniu comentaristas para saber qual time fez a melhor janela, Inter ou Grêmio. Veja o que eles responderam:

Robert Renan zagueiro Inter — Foto: Ricardo Duarte/Divulgação, Internacional
Fonte: Ricardo Duarte/Divulgação, Internacional

Mauricio Saraiva - comentarista do Grupo RBS A melhor janela é a do Grêmio porque quem chegou veio para time titular, exceção feita a Mayk, lateral-esquerdo. Borré, o grande nome da janela colorada, ainda está por chegar. O time está montado há mais tempo, o Grêmio sem Suárez precisava mesmo de meio-time de novos titulares, eles chegaram. Carlos Eduardo Lino - comentarista do Sportv O impacto maior sobre o elenco quem tem é o Grêmio. Pelas carências. Volante, ponta, centroavante. Mas quem investiu mais em qualidade foi o Inter. Porque o elenco parecia mais estruturado. O problema é a química. Ano passado, Renato conseguiu tirar mais que o esperado de um craque. Luis Suárez deu ao time algo fora dos padrões. Nesse ano o desafio é outro. Não há mais Suárez. O Inter tem régua diferente. Não tem Libertadores. Vai ser uma temporada para brilho nacional. Vejo os dois com excelentes chances de um ano de sorrisos. Cada um com sua meta. Alline Calandrini - comentarista do Sportv Acredito que o Inter largou na frente quando se fala em janela, mas o Grêmio conseguiu nomes importantes nas últimas semanas. Sanou a carência de um ponta com muita qualidade, que é Pavón. Trouxe Du Queiroz que pode fazer algumas funções em campo. Um centroavante que também era uma necessidade, que é o Diego Costa. E Soteldo, até se machucar, era a grande referência da equipe. Ainda vejo a necessidade de zagueiro e um lateral-esquerdo.

Soteldo em vitória do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio
Fonte: Lucas Uebel/Grêmio

Pedro Moreno - comentarista do Sportv (Inter) As duas janelas de contratações foram muito boas e parelhas. Porém, os níveis de necessidade dos times eram diferentes. O Inter, apesar da decepcionante campanha no Brasileirão, tinha um elenco com mais opções e foi ao mercado buscar principalmente jogadores para compor e qualificar o bom time semifinalista da Libertadores. Robert Renan é zagueiro com potencial de seleção e foi um excelente negócio. Alario e Borré também chegam com boas perspectivas de, dentro das possibilidades de formações com Valencia e Alan Patrick, manterem o ataque colorado sempre num nível altíssimo. Apesar do vice-campeonato no Brasileirão, o Grêmio necessitava de mais contratações de peso visando o time titular. Principalmente no ataque, após a saída do insubstituível Luis Suárez, que concentrou quase que todas as ações ofensivas do time no ano passado. A aposta no ataque é num trio de respeito, formado por Soteldo, Diego Costa e Pavón, abastecidos por Cristaldo. No gol, um goleiro com experiência pra assumir a titularidade e dar segurança. A zaga Tricolor é que ainda me preocupa. O Grêmio teve a quarta pior defesa do último Brasileirão. E pro setor a única contratação foi do lateral-esquerdo Mayk, que chega pra compor. Acredito que a janela do Inter tenha sido um pouco melhor, justamente pelo fato de ter atacado praticamente todas as carências que o elenco possuía. Enquanto o Grêmio, embora também tenha ido muito bem ao mercado, ainda precisa reforçar o seu setor defensivo.

Rodrigo Coutinho Para mim, o Inter. O Grêmio até conseguiu nessa reta final de janela fechar nomes que o elenco necessitava, de nível melhor dos que tinham disponível, mas em sua maioria jogadores que não viviam bom momento aqui no futebol brasileiro. Diego Costa é um exemplo disso, não foi tão bem no Botafogo e oscilou no Galo, Pavón vinha no banco do Atlético com poucas oportunidades. Dodi, para mim, é um nome bem questionável. Grêmio assinou contrato de três anos. Marchesín busca recuperação na carreira. Reforço de peso que o Grêmio trouxe, que chega e joga, é o Soteldo, que está lesionado. Já o Inter até tem alguns nomes que precisam se reafirmar, caso de Alario e Robert Renan. Mas são jogadores que, para o contexto do nível do futebol brasileiro e sul-americano, são acimas da média, que encorpam mais o elenco, em posições que o Inter já tinha bons nomes, jogadores de qualidade. Até pelo nível que o elenco alcançou, para mim o Inter fez uma janela melhor.



VEJA TAMBÉM
- Grêmio perde para o Vasco em São Januário na estreia do Brasileirão
- Tricolor escalado para o jogo contra o Vasco
- Veja a provável escalação do Tricolor para o jogo de hoje





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

20/4/2024







19/4/2024