Grêmio x Hamburgo: as escalações, os gols e as notas dos jogadores na final do Mundial de 1983 

Renato Portaluppi foi grande destaque em Tóquio, mas outros jogadores também ganharam um "10"


Fonte: gauchazh

Grêmio x Hamburgo: as escalações, os gols e as notas dos jogadores na final do Mundial de 1983 
Gremistas fazendo festa após vitória sobre o Hamburgo.

Há 40 anos, no dia 11 de dezembro de 1983, o Grêmio era campeão mundial de clubes . Com uma vitória por 2 a 1 sobre o Hamburgo, na prorrogação, o time liderado por Renato Portaluppi conquistava o título mais importante da história do clube.

Renato abriu o placar para os gremistas aos 37 minutos do primeiro tempo. Depois de ficar à frente do placar por quase toda a partida, o Grêmio cedeu o empate. Schröder igualou o placar aos 40 minutos da etapa final. Na prorrogação, novamente Renato balançou as redes, logo a três minutos. Depois, o Tricolor segurou o resultado e conquistou o mundo. Abaixo, confira a ficha técnica do jogo e as notas dadas aos jogadores na edição extra de Zero Hora publicada no 11 de dezembro de 1983.

FICHA TÉCNICA

Final do Mundial de Clubes - 11/12/1983

Grêmio Mazarópi; Paulo Roberto, Baidek, De León e PC Magalhães; China, Osvaldo e Mario Sérgio; Renato Portaluppi, Tarciso e Paulo César Caju. Técnico: Valdir Espinosa.

Hamburgo Stein; Wehemeyer, Jakobs e Hieronymus; Schröder, Groh, Rolff, Hartwig e Magath; Wuttke e Hansen. Técnico: Ernst Happel.

LOCAL: Estádio Nacional de Tóquio ARBITRAGEM: Michel Vautrot (FRA) Assistentes: Toshikazu Sano (JAP) e Shizuhasu Nakamichi (JAP) GOLS: Renato (37'/1°T e 3'/1°Pro) e Schröder (40'/2°T)

Confira as notas dos jogadores do Grêmio:

Mazaropi: uma atuação simplesmente perfeita. Demonstrou total controle emocional, acalmou o time e fez algumas defesas excepcionais. Numa delas, praticamente garantiu a vitória. NOTA 10

Paulo Roberto: não perdeu nenhuma jogada na marcação, dominou o setor, apesar da troca de posições dos alemães, e teve condição para apoiar. Excelente atuação. 10

Baidek: comprovou definitivamente suas qualidades de zagueiro sério e também atento às falhas dos companheiros. Não teve um único erro para ser registrado. 10

De León: um erro grave quando o jogo ainda estava 0 a 0 foi contornado por Baidek. Na média, uma atuação de alto nível, inclusive pelo apoio ao ataque. 9

Paulo César Magalhães: marcou muito bem, com firmeza e até foi para o ataque, perdendo uma chance de gol. Estava nervoso no final, mas não chegou a comprometer. 8

China: a lesão de tornozelo o incomodou durante todo o jogo, mas não impediu que tivesse uma de suas atuações mais seguras no time titular do Grêmio. 10

Osvaldo: assumiu uma função desgastante de marcador, sem deixar de participar de jogadas ofensivas. Cansou no segundo tempo e saiu depois de grande atuação. 9

Paulo Cézar Caju: bem marcado, pouco pôde produzir em termos técnicos e objetivos. Seu mérito ficou por conta da movimentação tática e da preocupação que provocou nos alemães. 7

Renato: o maior destaque do time. Assim como marcou dois gols espetaculares, também deu imensa colaboração no bloqueio de meio-campo e até na marcação dentro da área do Grêmio. 10

Tarciso: o título de campeão do mundo foi um prêmio a sua dedicação em dez anos de Grêmio. Correu como nunca, marcou, cometeu faltas e criou oportunidades de gol. 9

Mário Sérgio: centralizou todas as jogadas e foi perfeito, praticamente sem erros, livrando-se com facilidade da marcação e dirigindo a equipe como um verdadeiro maestro. 10

Caio: substituiu Caju na metade do segundo tempo e deu mais vibração ao lado esquerdo de ataque. Teve chance de marcar, mas errou na conclusão. Boa atuação. 9

Bonamigo: entrou no lugar de Osvaldo e foi extremamente importante na marcação de meio-campo e na condução de bola para os contra-ataques. Tudo com muita segurança. 9



VEJA TAMBÉM
- MUDANÇA! Grêmio tenta se remobilizar
- ATENÇÃO! Grêmio procurou Niclas Eliasson
- VAI JOGAR! Caíque será titular do Grêmio





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

2/3/2024






















1/3/2024