1Win

Diogo Olivier: Roger veio para mudar os alicerces do Grêmio

O seu time não virou o Barcelona em dois jogos, ainda que tenham sido dois bons jogos. Mas é claro que mudaram os ''alicerces''


Fonte: Zero Hora

Diogo Olivier: Roger veio para mudar os alicerces do Grêmio
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Roger disse que os alicerces de seu início de trabalho promissor foram fincados por Felipão. Você o imagina afirmando o contrário? É a gentileza do novo técnico do Grêmio, que merece elogios efusivos nestes tempos de intolerância.

Ele não é mágico. O seu time não virou o Barcelona em dois jogos, ainda que tenham sido dois bons jogos. Mas é claro que mudaram os ''alicerces''.

Saiu o 4-2-3-1, entrou o 4-4-2. Felipão queria Bruno Grassi, mas é Tiago o substituto de Grohe. Antes era Braian, agora é Mamute e Pedro Rocha — sem o centroavantão. Felipão optava por volantes de mesma característica, que se revezavam na hora de sair para o jogo, Fellipe Bastos e Maicon.

Roger firmou Walace à frente da área, soltando Maicon. Os laterais eram defensivos com Felipão, agora sobem sem medo. São os dados da amostragem inicial, que precisa ser renovada a cada jogo. Mudou, sim. Roger veio para mudar, inclusive. E ele sabe disso.



VEJA TAMBÉM
- Grêmio confiante para a Libertadores, e as lesões intermináveis
- Grêmio perde para o Vasco em São Januário na estreia do Brasileirão
- Tricolor escalado para o jogo contra o Vasco





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

22/4/2024