Solidariedade e apoio: Grêmio e Olímpico Monumental na ajuda às enchentes no RS


Fonte: -

Solidariedade e apoio: Grêmio e Olímpico Monumental na ajuda às enchentes no RS

Imagem: Lucas Uebel/ Grêmio O Olímpico Monumental agora vê craques no lado de fora O Estádio Olímpico Monumental, que já vibrou com as conquistas do Grêmio e emocionou gerações de torcedores Tricolores , se reinventa em um novo papel: a solidariedade. Embora não receba mais jogos desde 2013, o Velho Casarão agora é um centro vital de auxílio durante as enchentes que assolam o povo gaúcho. Desde o início da calamidade, o antigo estádio gremista tornou-se um dos principais pontos de coleta de doações do clube. O diretor social do Grêmio, Luiz Giacomini, destaca a importância dessa iniciativa, conforme noticiado pelo jornalista Diogo Rossi: “Nesse momento triste, a gente consegue voltar para o Olímpico. Tem muito da questão afetiva e as pessoas estão vindo. Tem essa relação de carinho com o Estádio Olímpico e agora é uma oportunidade para, quem quiser, estar aqui e ser voluntário”, comentou Giacomini. Conheça a única área do Grêmio que não foi atingida pelas chuvas em Porto Alegre Novo estádio: Renato explica escolha do Grêmio para o momento Os voluntários são grandes heróis nessa batalha Giacomini ainda ressalta a dedicação dos voluntários que atuam no Olímpico, enfatizando a necessidade constante de ajuda.

Como o Grêmio pode viabilizar retorno ao Olímpico
Reprodução/gremio

Desde o último jogo do estádio, uma vitória sobre o Veranópolis pelo Gauchão de 2013, o local não havia visto tanta movimentação: “Em média, tem vindo 50, 100 pessoas no dia, o que já é bastante, mas é uma necessidade de carga muito grande. Neste momento não temos empilhadeiras, então dependendo do tipo de carga terá que ser na força do braço. Por isso a gente pede voluntários, até para ficar renovando” Além do Olímpico, o Grêmio disponibilizou outros pontos de coleta para donativos (roupas, alimentos não perecíveis, materiais de limpeza e higiene). Por determinação da Defesa Civil, para evitar grandes deslocamentos pela cidade, as doações estão concentradas temporariamente em três locais: 1. Estádio Olímpico Monumental – Largo Patrono Fernando Kroeff, número 1. Horário: das 9h às 18h. 2. CT Grêmio Futebol Feminino / Ulbra Canoas – Av. Farroupilha, 8001 – São José, Canoas – RS. Ponto de arrecadação: Capela da Ulbra e prédio 55 (Educação Física). Horário: das 7h às 21h30. 3. Hotel do Grêmio – Hotel Park Plaza Moinhos, R. Dr. Timóteo, 577 – Floresta, Porto Alegre. Horário: 24 horas. As doações também podem ser feitas via PIX ao Instituto Geração Tricolor (IGT) – 129859670001-59.

“Nesse momento triste, a gente consegue voltar para o Olímpico. Tem muito da questão afetiva e as pessoas estão vindo. Tem essa relação de carinho com o Estádio Olímpico e agora é uma oportunidade para, quem quiser, estar aqui e ser voluntário”, comentou Giacomini.

“Em média, tem vindo 50, 100 pessoas no dia, o que já é bastante, mas é uma necessidade de carga muito grande. Neste momento não temos empilhadeiras, então dependendo do tipo de carga terá que ser na força do braço. Por isso a gente pede voluntários, até para ficar renovando”



VEJA TAMBÉM
- Grêmio vende 3 pontos e uma vaga no Z4 por 1 milhão de reais: risco da B é realidade
- Renato gaúcho se irrita com pergunta e ameaça deixar jornalistas esperando
- Falhas de Fábio e Geromel prejudicam Grêmio em revés para líder do campeonato






Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

18/6/2024


17/6/2024