Grêmio sofre segunda derrota seguida sem finalizar em 45 minutos com time titular.

Grêmio enfrenta sequência negativa e busca recuperação no Brasileirão e na Libertadores.


Fonte: -

Grêmio sofre segunda derrota seguida sem finalizar em 45 minutos com time titular.

O Grêmio iniciou mal no Campeonato Brasileiro. A derrota para o Vasco, por 2 a 1, em São Januário, consagrou a primeira sequência negativa dos titulares em 2024. O time de Renato fez um primeiro tempo para esquecer, sem finalizar uma única vez no gol rival, e pode tirar lições importantes para a sequência da temporada. Logo com 10 minutos de jogo o Tricolor perdeu o capitão do time, Kannemann, substituído após um choque com o rival . Mas o motivo do resultado passou longe desse ocorrido. Durante todo primeiro tempo, o time de Ramón Díaz dominou a equipe gaúcha, que sequer finalizou. Lá atrás, os problemas defensivos voltaram a atormentar. No primeiro gol do Vasco, Marchesín afastou mal o cruzamento de Rossi e David teve toda liberdade de dominar e chutar dentro da grande área do Grêmio. João Pedro, que deveria pressionar, marcou longe e ainda viu a bola desviar nele antes de entrar. O time de Renato teve muita dificuldade de construir jogadas e se limitou a defender durante todo o primeiro tempo. Mas nem isso fez bem. Momentos depois, após novo cruzamento da direita em cobrança de escanteio, Rodrigo Ely não conseguiu cortar e de novo o lateral-direito gremista se desligou na marcação e deixou Mateus Carvalho livre para ampliar. Na frente, Soteldo entrou no lugar de Gustavo Nunes em mais uma oportunidade como titular e teve uma atuação tão ruim quanto na derrota para o Huachipato, pela Libertadores. Em quase todos os lances individuais, o venezuelano foi superado pelo marcador. É uma das respostas que a comissão começa a ter. A produção ofensiva na primeira etapa foi tão constrangedora que nem o erro da arbitragem ao não marcar pênalti no toque de braço do Piton mascarou isso. A bronca, aliás, foi grande e o vice-presidente de futebol do Grêmio afirmou que será feita uma reclamação formal junto à CBF. A explicação de Renato para o mau desempenho do primeiro tempo foi a falta de concentração dos jogadores. Em uma estreia de Campeonato Brasileiro, contra o Vasco, no São Januário, isso é inadmissível. A volta do intervalo foi com outra postura. Com um minuto do segundo tempo, João Pedro perdeu uma grande chance. As entradas de Gustavo Nunes e Nathan Fernandes melhoraram o time, e aos 22 minutos Gustavo Martins descontou após cruzamento de Cuiabano. O jovem zagueiro, que entrou na vaga de Kannemann, deixou outra lição para o treinador. Foi um dos melhores do time, desarmando o principal atacante adversário, Vegetti. Apesar da idade, mostra que merece mais oportunidades, quem sabe, ao lado do argentino no lugar de Ely. Foi a primeira sequência de derrotas do time principal do Grêmio neste ano, mas não a primeira do clube. Em fevereiro o Grêmio perdeu para Inter e São Luiz. Contra o time de Ijuí, porém, a equipe foi a campo com reservas, na Recopa Gaúcha, sob o comando de Alexandre Mendes. Já são 22 gols sofridos em 20 partidas no ano e parece que os problemas defensivos estão longe de serem resolvidos. E o tempo será curto para corrigir, pois na quarta-feira o Grêmio precisa buscar a recuperação no Brasileiro contra o Athletico-PR. E em pouco mais de uma semana tem uma decisão na Libertadores contra o Estudiantes, em La Plata.

Soteldo e Paulo Henrique na derrota do Grêmio para o Vasco, no Brasileirão — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Lucas Uebel/Grêmio FBPA


VEJA TAMBÉM
- Grêmio negocia com Rodrigo Caio e está próximo de acordo
- Presidente do Grêmio comenta escolha do Couto Pereira e atualiza situações no clube.
- Presidente do Grêmio fala sobre escolha do Couto Pereira e atualizações no clube.






Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

25/5/2024




24/5/2024