1Win

Grêmio mantém média defensiva impecável sob comando de Renato em 2024

Problemas defensivos desafiam Grêmio na temporada: técnico e diretoria buscam soluções para evitar gols sofridos.


Fonte: -

Grêmio mantém média defensiva impecável sob comando de Renato em 2024

O Grêmio inicia a temporada com um problema antigo a ser resolvido: o sistema defensivo. O time tem média de um gol sofrido por jogo em 2024. Apesar do dilema ser ainda do ano passado, o clube fez apenas duas contratações para o setor. Melhorar a estrutura coletiva foi uma das prioridades do técnico Renato Portaluppi nos treinamentos. A campanha do vice-campeonato do Brasileirão pelo Grêmio ficou com um "asterisco" por conta do número alto de gols sofridos. O Tricolor teve a pior defesa entre as equipes que permaneceram na Série A. Justiça seja feita, foi dono também do segundo melhor ataque, um gol a menos que o campeão Palmeiras. Na temporada passada, o Grêmio disputou 64 jogos e sofreu 73 gols, média de 1,14 gols por partida. A realidade praticamente se repete neste ano. São 11 gols sofridos em 11 partidas. A equipe saiu ilesa em apenas quatro jogos. Em outros quatro, o time foi vazado duas vezes. Depois da derrota na Recopa Gaúcha, o auxiliar Alexandre Mendes disse que a deficiência tem sido trabalhada pela comissão técnica. O setor defensivo recebeu um cuidado de Renato no período de treinos com os titulares em Porto Alegre. - Preocupa sempre tomar gols. É uma situação que o Renato ficou no CT pra tentar corrigir, porque o olho dele é clínico e está direto em contato com os jogadores que vêm atuando normalmente. Acho que o objetivo é esse, melhorar. Minimizando os erros e melhorando a parte ofensiva da equipe - disse o "braço direito" do comandante. Mesmo sabendo deste problema, o departamento de futebol priorizou reforços para o setor ofensivo, considerado mais carente, e contratou apenas um goleiro e um lateral-esquerdo para a defesa. Não chegaram zagueiros, Bruno Alves foi negociado e os reforços ainda não se afirmaram. Por enquanto, Marchesín não é unanimidade e tem gerado dúvidas quanto à titularidade, principalmente após a falha no Gre-Nal. Com a lesão mucular, o argentino será desfalque na sequência . Já Mayk chegou para ser reserva, estreou na quarta, mas ainda é uma incógnita. Com a saída de Bruno Alves, a direção renovou com Bruno Uvini e Geromel. No caso do ídolo, baixou o salário e estendeu vínculo até metade deste ano. O clube também recebeu no mínimo três propostas por Gustavo Martins, mas manteve o garoto. A janela de transferências para a chegada de jogadores fecha no dia 7 de março. Porém, se algum jogador chegar até lá não poderá ser inscrito no Campeonato Gaúcho, com exceção de um goleiro, permitido pelo regulamento em caso de lesão. Renato terá o mês de março para fazer os ajustes e entrosar a equipe antes da arrancada da Libertadores, marcada para o início de abril. Porém, a fase eliminatória do Gauchão já começa a partir da próxima semana. No sábado, o Grêmio recebe o Guarany de Bagé, às 16h30, na Arena, pela última rodada da primeira fase do estadual. O Tricolor já está com a classificação garantida na segunda posição e joga para cumprir tabela.

Kannemann e Mayk em treino do Grêmio, no CT Luiz Carvalho — Foto: Morgana Schuh/Grêmio FBPA
Kannemann e Mayk em treino do Grêmio, no CT Luiz Carvalho — Foto: Morgana Schuh/Grêmio FBPA

:

Renato orienta Natã em treino do Grêmio no CT Luiz Carvalho — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato orienta Natã em treino do Grêmio no CT Luiz Carvalho — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA


VEJA TAMBÉM
- Grêmio perde para o Vasco em São Januário na estreia do Brasileirão
- Tricolor escalado para o jogo contra o Vasco
- Veja a provável escalação do Tricolor para o jogo de hoje





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

16/4/2024


15/4/2024