Lisca elogia trabalho de Felipão no Grêmio, mas alega que o técnico se perdeu

Treinador gaúcho falou sobre a gestão de Felipão no tricolor


Fonte: gremistas.net

Estevão Germano / América-MG
O técnico gaúcho Lisca avaliou o trabalho feito por Felipão no Grêmio e apontou que a vitória de 1×0 sobre o Flamengo no Maracanã acabou trazendo um efeito enganoso ao clube.



Ele criticou o fato de que, depois do importante resultado no Rio de Janeiro, até mesmo uma projeção de classificação à Libertadores começasse a ser feita mesmo com o time ainda no Z4.


“O Grêmio se atentou muito antes. Já na oitava rodada, o Tiago Nunes tinha feito dois pontos e o clube buscou o Felipão. Ali já era o discurso: “Nós vamos trabalhar para escapar”. E isso era nona rodada ainda. E o Felipão fez um trabalho de recuperação”, comentou, antes de apontar o erro de Scolari:


“O Felipão saiu da pior campanha para a sétima melhor campanha. E aí depois chega o momento que tu recupera, mas dá uma trancada. Aconteceu isso comigo no Ceará em 2018 em um jogo que perdemos pro Bahia. Eu cheguei no presidente para entregar e ele me bancou. Teve o respaldo. Aí depois ganhamos do Flamengo no Maracanã com 60 mil pessoas. E, no Grêmio, o Felipão recuperou. Mas quando ganhou do Flamengo eu já vi discurso assim: “Agora nós vamos pra Libertadores…”. Rapaz, não faz isso, não se faz isso”, Concluiu Lisca em entrevista ao quadro “Bebendo e Falando”, do canal “O Bairrista”, no YouTube.





Com Vagner Mancini no comando, o Grêmio segue em 19° lugar com 26 pontos e encara o Atlético-GO na segunda que vem, 20h, fora de casa.

#gremio #imortal #tricolor #lisca #felipao #treinador

LEIA TAMBÉM: Veja os detalhes da provável saída Jean Pyerre do Grêmio para o Alavés

E MAIS: Diego Souza cogita adiar aposentadoria em caso de rebaixamento do Grêmio




Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

2/12/2021
































1/12/2021