Prometo ao menos mais nove vitórias, diz vice de futebol do Grêmio

Dênis Abrahão assegurou que elenco manterá mobilização e desempenho para evitar oscilações


Fonte: Zero Hora

Considerando 42 pontos como a linha de corte da zona de rebaixamento do Brasileirão de 2021, o Grêmio precisaria de mais seis vitórias para permanecer na elite nacional na próxima temporada. O triunfo sobre o Juventude, por 3 a 2, nesse domingo (17), perante seu torcedor, foi justificado pela nova comissão técnica e gestão de futebol como a força da mobilização do elenco e contribuição da torcida.



O vice-presidente do departamento, Dênis Abrahão, prometeu rendimento ainda melhor do que o necessário no resto do campeonato.


— Criamos um ambiente de vitória. Sabíamos antes do jogo que íamos ganhar, eu tinha convicção da vitória — disse o dirigente, sobre a estreia com resultado positivo, antes de assinalar:

— Meu prazo de validade é curto, minha missão é curta. Temos mais 13 jogos e prometo ao menos mais nove vitórias. Eu garanto.

Para tal sequência ser possível, as oscilações no desempenho devem ser, pelo menos, reduzidas. Dênis diz que o time sabe onde errou e que está trabalhando para corrigir tais falhas na reta final da disputa. Ele garante que os jogadores recebem sua confiança para não deixarem o extra-campo atrapalhar sua atividade nas quatro linhas.

— Lá dentro os jogadores são aviões, sabem o que fazer. Aqui fora eu vou segurar a bronca. Quando ganharmos, seremos nós, quando perdermos, será o Dênis — garantiu.

O próximo duelo será contra o Atlético-GO, em Goiânia, no próximo dia 25, às 20h. Os três pontos que estarão em disputa valem muito mais se forem descritos pelo novo dirigente e seu tom motivador:



— A próxima final do Mundial será na segunda-feira, em Goiás, e nós vamos ganhar.

LEIA TAMBÉM: Veja os detalhes da provável saída Jean Pyerre do Grêmio para o Alavés

E MAIS: Diego Souza cogita adiar aposentadoria em caso de rebaixamento do Grêmio




Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

2/12/2021
































1/12/2021