Presidente do Grêmio garante que não acumulará função de vice de futebol

Presidente está ouvindo sugestões para o lugar de Marcos Herrmann, que pediu demissão


Fonte: Gaúcha ZH

Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio
O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, afirma que não vai acumular a função de vice de futebol após a saída de Marcos Herrmann, que entregou o cargo após a derrota para o Fortaleza, na Arena Castelão. A delegação, que voltou em voo fretado, chegou na manhã desta quinta-feira (14). Não houve presença de torcida no desembarque. Sem treino previsto, os atletas se reapresentam amanhã (15).



À tarde, o mandatário tricolor deve ter uma reunião com os vice-presidentes do Conselho de Administração para debater a pauta.


"Não vou (acumular). Estou recebendo algumas sugestões de nomes e vamos discutir mais o assunto ainda hoje", afirmou à reportagem de GZH.


Além da busca por um novo vice de futebol, o clube também está avaliando a contratação de um novo técnico. Segundo Bolzan, não há necessidade de o novo dirigente chegar antes para participar da escolha da comissão técnica.



Até o fim da tarde, o presidente e o Conselho de Administração devem ter uma reunião presencial para aprofundar as discussões sobre as duas pautas. Até o momento, segundo apurou GZH, as conversas estão acontecendo apenas por trocas de mensagens devido à logística da viagem de volta do Ceará.

#gremio #imortal #tricolor #romildobolzan #diretoria

LEIA TAMBÉM: Veja todas as informações sobre o duelo entre Grêmio e Juventude neste domingo (17)

E MAIS: Na estreia de Mancini, Grêmio recebe o Juventude na Arena




Comentários



Leia Boaroli     

Nao sabe de nenhuma

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

18/10/2021























17/10/2021